Isolamento acústico em hospitais é fundamental para bem estar

por / terça-feira, 30 setembro 2014 / Publicado em Isolamento acústico

Seja qual for o tamanho ou o local de um hospital, é fundamental que o isolamento acústico seja parte do projeto. O silêncio é importante para pacientes, funcionários, visitantes e até quem mora próximo ao hospital.

Ambientes que, como um hospital, deveriam ser silenciosos, muitas vezes geram bastante ruído. Em hospitais, há fontes de barulho como caldeiras, equipamentos da área de emergência e UTI, centrais de ar condicionado e bombas de vácuo. Isso sem falar nas ambulâncias – como este barulho é inevitável, o ideal é buscar isolamento acústico para os outros elementos do ambiente, o que pode ser obtido através do uso de materiais acústicos adequados.Isolamento acústico em hospitais

Fazer o isolamento acústico em hospitais não é uma tarefa fácil. Vários fatores devem ser levados em conta, pois o ambiente é complexo, especialmente do ponto de vista de segurança contra incêndios e acidentes, por exemplo.

No Brasil, existem normas técnicas que determinam o nível máximo de ruído aceitável em cada ambiente hospitalar, como quartos, corredores e salas de cirurgia. Ao montar o projeto de isolamento acústico, essas especificações devem ser analisadas com cuidado durante a escolha dos materiais.

Se para elaborar o isolamento acústico em casa já é altamente recomendável buscar orientação profissional, em hospitais isso não entra nem em discussão. E o ideal é que ele seja criado no projeto, antes mesmo de o edifício começar a ser construído. Com o tempo e o desgaste, os materiais podem (e devem) ser substituídos.

Deixe uma resposta

TOP