Controle do ruído industrial evita prejuízos à saúde do trabalhador e às finanças da empresa

por / terça-feira, 16 dezembro 2014 / Publicado em Isolamento acústico

As estratégias de controle de ruído industrial devem ter por objetivo reduzir o ruído existente a níveis aceitáveis no ambiente de trabalho.

O ruído é atualmente uma das principais causas de problemas de saúde ocupacional e segurança do trabalho em indústrias de todo o mundo.

Por causa disso, as autoridades estabeleceram limites de exposição ao ruído em ambientes de trabalho, principalmente em indústrias.

Não só para o trabalhador, mas também para as empresas, o barulho excessivo causa prejuízos.

O ruído gerado pela atividade industrial pode representar  uma diminuição na produção uma vez que funcionários expostos a níveis prejudiciais de ruído podem contrair doenças e, conseqüentemente, serem afastados do trabalho.

Além de sérios prejuízos à audição, o ruído também pode causar zumbido, cefaléia, plenitude auricular, tontura, distúrbios gástricos (gastrite e úlcera gastroduodenal), alterações transitórias na pressão arterial, estresse, distúrbio da visão, atenção e memória, do sono e do humor.

controle de ruido industrial

Segurança do Trabalho

O ruído elevado pode contribuir também para o surgimento de acidentes no ambiente de trabalho, interfere na comunicação entre trabalhadores, dificultando ao trabalhador ouvir avisos preventivos de um companheiro ou de um sinal sonoro de advertência. Devido ao ruído excessivo, o trabalhador tem reduzida a sua percepção da aproximação de veículos ou da queda de objetos.

A implementação de medidas para reduzir a exposição dos trabalhadores ao ruído em ambientes industriais depende da identificação das fontes sonoras.

As medidas para reduzir o nível de ruído gerado por uma fonte, ou transmitido pelo ar ou através da estrutura onde está a fonte sonora, podem incluir modificações nas máquinas, nas operações das máquinas e no layout dos ambientes de trabalho.

O primeiro passo para controlar o barulho a um nível aceitável deve ser feito na fonte. Caso não seja possível, deve-se partir para atenuar o ruído no caminho de propagação, isto é, o caminho percorrido pela energia sonora até atingir o ouvido do trabalhador, seja pelo ar ou através da estrutura onde está a fonte sonora. Essas medidas podem incluir modificações nas máquinas, nas operações das máquinas e no layout dos ambientes de trabalho.

Deixe uma resposta

TOP